Oferta!

Humberto Canale Estate Pinot Noir 2019

Patagônia em sua beleza mostra que a Pinot Noir se adaptou muito bem por lá.

Sua elegância e complexidade se percebem antes de girar a taça…Editor Onivino

Em estoque

UNIDADE 21% OFF R$ 124,90
R$99,00

Características

TIPO DE VINHO
TINTO
REGIÃO & PAÍS
PATAGÔNIA ARGENTINA
PRODUTOR
HUMBERTO CANALE
UVA
PINOT NOIR
SAFRA
2019
TEOR ALCÓOLICO
14%
VOLUME
750ML
MATURAÇÃO
APENAS 15% DO VINHO PASSAM POR BARRICAS DE CARVALHO POR UM PERÍODO DE SETE MESES

HARMONIZAÇÃO
AVES, CARNE BRANCAS, CARNE DE PORCO ASSADA, CARNES DE CAÇA

Sobre o produto

Fundada em 1909 a Humberto Canale é uma vinícola de uma região muito fria, montanhosa, com lagos, deserto, glaciares e toda a diferença que uma região possa ter, estamos falando da Patagônia.

A Patagônia é uma linda região que vem se consolidando ao longo dos anos e a Humberto Canale vem fazendo um trabalho sustentável muito bonito e a facilidade do controle de pragas estão levando a vinícola a ser totalmente orgânica.

Vinho

Esse vinho é produzido com 100% Pinot Noir, uma uva que precisa do que a Patagônia tem, frio. Durante as noites a temperatura cai muito, o que para a Pinot Noir é muito bom, sem falar que a falta de chuva ajuda ao controle do vinhedo porque a vinha é irrigada com o degelo dos Andes. Exatamente no Rio Negro, uma sub-região da Patagônia, as uvas para esse vinho são colhidas. Apenas 15% do vinho passam por barricas de carvalho por um período de sete meses para não perderem o frescor e não ficar um vinho pesado. É um Pinot Noir que tem muita tipicidade e com 14% de volume alcóolico está muito bem equilibrado, mas não tem um potencial de guarda muito maior que cinco anos. Sugiro servir esse vinho um pouco mais frio que o costume, em torno de 13 ou 14°.

Nota de prova

Tem uma cor vermelho granada e é muito límpido e brilhante. Sua elegância e complexidade se percebem antes de girar a taça, notas de frutas frescas como cereja e morango são notadas ao primeiro ataque, depois vêm notas de especiarias e baunilha. Na boca tem uma nuance de doçura sem ser doce, os taninos muito sedosos e a acidez muito equilibradas dão espaço para o frescor da fruta que vem com uma nota mentolada com um final limpo e longo.

Harmonização

Muito bom com pato, um magret de canard com algum molho de frutas vermelhas ficaria divino. Outra boa opção seria cogumelo, de preferência uma massa com molho de funghi porcini com iscas de filé ou carne de porco, uma boa bisteca com batatas.