Oferta!

Bodegas Carrau Juan Carrau Tannat 2021

A uva emblemática do Uruguai em um delicioso vinho, produzido por Bodegas Carrau, uma das mais reconhecidas vinícolas do país. – Editor Onivino

“Esse é o Tannat de entrada de Carrau e vem 100% de Las Violetas e de vinhedos próprios. É uma foto em HD dos Tannat dessa tradicinal zona de Canelones: a austeridade dos aromas, a sensação firme dos taninos, a acidez suculenta e pungente. Um para o assado.”

90 Pts Descorchados

 

Em estoque

PACK COM 6 UN 45% OFF R$ 89,00
R$49,00 (UN)
UNIDADE 39% OFF R$ 89,00
R$54,00

Características

TIPO DE VINHO
TINTO
REGIÃO & PAÍS
CANELONES URUGUAI
PRODUTOR
BODEGAS CARRAU
UVA
TANNAT
SAFRA
2021
TEOR ALCÓOLICO
13%
VOLUME
750ML
MATURAÇÃO
9 MESES EM BARRICAS DE SEGUNDO USO

HARMONIZAÇÃO
CARNE VERMELHA, CARNES DE CAÇA, CHURRASCO, HAMBÚRGUER ARTESANAL

Sobre o produto

A tradição da família se iniciou no ano de 1752 na Catalunha, Espanha. Desde a chegada do primeiro Carrau à América do Sul. O nome permanece na família até hoje e tem sido sinônimo de paixão e cuidado na produção de vinhos finos por mais de 10 gerações. Construída em 1887, Bodegas Carrau é hoje uma das mais antigas do Uruguai, com vinhedos em Las Violetas, Canelones, a poucos minutos de Montevidéu.

Bodegas Carrau define a qualidade como meta principal. Em 1976, fundou um projeto de grande ambição para aquela época, no qual trazia videiras livres de vírus. Esse projeto foi declarado de interesse nacional em novembro de 1977, graças a tradição centenária de uma família que tornava cada vez mais, os vinhos uruguaios bem conhecidos no mercado internacional e ajudando nas exportações de seus vinhos.

Durante os últimos 40 anos, Bodegas Carrau vem estudando e identificando os melhores terroirs para cada variedade de uva, trazendo para elas as melhores características de sabor e aromas.

A Tannat

A Tannat, variedade francesa da região do Madiran, sudoeste francês, foi levada ao Uruguai por imigrantes em 1870 e lá se adaptou muito bem, melhor até que em sua terra natal. Graças ao clima mais quente do Uruguai, a Tannat pode ter um amadurecimento mais longo, o que deixa os vinhos menos duros e mais elegantes. Hoje é a uva emblemática do Uruguai, assim como a Malbec é para a Argentina.

O nome Tannat é uma referência aos taninos, que são marcantes e muito presentes. Por isso os vinhos dessa variedade costumam ser robustos e tânicos, com personalidade forte.

O Vinho

100% Tannat proveniente de Las Violetas, Canelones, passa 9 meses em barricas de segundo uso. 13% de álcool.

Notas de prova

Cor vermelha intensa e brilhante. No nariz, frutas vermelhas e negras maduras, como groselhas, cerejas e ameixas com toques de chocolate amargo e especiarias como canela, além de delicadas notas da passagem por barricas. Na boca, um vinho com acidez equilibrada, muita potência de taninos, maduros e aveludados e final longo.

Harmonização

Vinhos robustos pedem pratos robustos. Carnes como picanha, costela bovina, linguiça suína, carnes de caça e hamburguer. Carnes na churrasqueira são uma combinação perfeita. Carnes defumadas também combinam bem. Para queijos, prefira parmesão ou pecorino.