Oferta!

Mosquita Muerta Perro Callejero Pinot Noir 2020

Um ótimo exemplar da Pinot Noir em Mendoza, com boa potência, muito aromático e que surpreende por sua grande qualidade.

“Do vinhedo Los Chacayes no Vale do Uco, ele tem o caráter dos tintos da região; os aromas de frutas e violetas, mas nesse caso marcado pelas flores. E, sobretudo, uma textura selvagem em uma variedade que já é bastante tânica, como a Pinot Noir. Um tinto suculento e apesar dessa textura, fácil e fresco, para beber com Choripán”.

90 pontos Descorchados

Em estoque

PACK COM 6 UN 18% OFF R$ 109,00
R$89,30 (UN)
UNIDADE 14% OFF R$ 109,00
R$94,00

Características

TIPO DE VINHO
TINTO
REGIÃO & PAÍS
MENDOZA ARGENTINA
PRODUTOR
MOSQUITA MUERTA
UVA
PINOT NOIR
SAFRA
2020
TEOR ALCÓOLICO
13,5%
VOLUME
750ML
MATURAÇÃO
6 A 8 MESES EM BARRICAS DE CARVALHO FRANCÊS

HARMONIZAÇÃO
FRANGO ASSADO, MASSA AO POMODORO, PATO, PIZZA

Sobre o produto

José Milan começou em 2009 o projeto Mosquita Muerta com o objetivo de criar Blends premium, além de claro, vinho de Malbec. São feitas seleções cuidadosas de diferentes vinhedos nos sopés dos Andes, nas regiões mais importantes de Mendoza, Vale de Uco, Gualtallary, Vista Flores, El Manzano, Chacayes e Lujan de Cuyo (Perdriel, Barrancas e Agrelo).

Mosquita Muerta é um projeto muito pessoal e cada vinho conta uma história de José Milan. O nome vem de uma expressão espanhola usada para descrever um homem ou mulher que visivelmente não tem potencial para sucesso, mas que acaba por realizar um grande feito.

Os vinhos Mosquita Muerta são sucesso na Argentina e fora dela, especialmente no Brasil. Cada vinho leva um nome divertido e curioso, de ditos populares argentinos, mas também usados em outras partes do mundo.

O Vinho

Esse não é um Pinot Noir muito leve, tem mais concentração de cor e mais corpo. Originado em uma região com um pouco mais de calor e menos chuva, dessa forma concentrando mais fruta. As uvas são colhidas a mão nas melhores datas para o seu amadurecimento e para demonstrar sua expressão. As uvas vêm de dois terrois do Vale do Uco, um a 1200 metros de altitude e outro a 1350 metros. A fermentação é feita em parte em barricas de carvalho francês, com leveduras indígenas e depois ele amadurece de 6 a 8 meses em barricas de carvalho francês. 13,3% de álcool.

Notas de prova

Rubi profundo e brilhante. Aromático com notas de frutas vermelhas como cereja morango e framboesas. Acidez deliciosa e taninos redondos. Final persistente.

Harmonização

Massas com molho vermelho ou molhos intensos de queijo, medalhão de filé mignon, confit de pato, frango assado, cogumelos grelhados, choripán, queijos camembert e brie.