Oferta!

Tenute Quattro Conti I Quattro Conti Negroamaro 2017

Negroamaro é uma variedade de uva de pele escura que está associada à região de Puglia no sul da Itália há pelo menos 1500 anos. É levemente aromático e pode produzir vinhos complexos que apresentam características de especiarias, como cravo, canela e pimenta da Jamaica. – Editor Onivino

Fora de estoque

Características

TIPO DE VINHO
TINTO
REGIÃO & PAÍS
PUGLIA ITÁLIA
PRODUTOR
TENUTE QUATTRO CONTI
UVA
NEGROAMARO
SAFRA
2017
TEOR ALCÓOLICO
13%
VOLUME
750ML
MATURAÇÃO
SEM ESTÁGIO EM CARVALHO

HARMONIZAÇÃO
CARNE DE VACA, COSTELA DE PORCO COM MOLHO BARBECUE, MASSA AO POMODORO

Sobre o produto

Negroamaro é uma variedade de uva de pele escura que está associada à região de Puglia no sul da Itália há pelo menos 1500 anos. Mais comumente encontrado em blends, ao lado da Primitivo, Malvasia Nera, Sangiovese ou Montepulciano, a Negroamaro é valorizada por sua cor intensa, taninos médios e sabores de frutos silvestres escuros. A variedade também pode adicionar tons de terrosos que podem se desenvolver em sabores levemente medicinais. É levemente aromático e pode produzir vinhos complexos que apresentam características de especiarias, como cravo, canela e pimenta da Jamaica.

Tenute Quattro Conti é uma vinícola do sul da Itália, na região da Púglia, a terra da outra famosa uva italiana, Primitivo.

Essa região é muito quente e por conta disso os vinhos são mais robustos e encorpados. Essa característica da região fez com que seus vinhos fossem muito aceitos pelos consumidores do novo mundo.

Vinho

Esse vinho tem 13% de volume alcóolico e não tem passagem por barricas e assim sentimos a pureza da fruta e todos os seus aromas sem intervenções. Ele é feito a partir da uva Negroamaro e com 85% da variedade a legislação permite que ele seja chamado de varietal. Os outros 15% de uvas não são mencionados pela vinícola. Não é um vinho para guarda, mas está bom para beber por mais quatro anos.

Nota de prova

A cor rubi é linda e aguça os sentidos para sentir os aromas puros e bem diretos. Frutas vermelha e negra mesclam com especiarias, cravo e pimenta são suavizados por morangos e amora maduros. Na boca é um vinho elegante e bem estruturado e tem algumas nuances de doçura principalmente de especiaria doce, café e chocolate. Diferente da maioria dos Negroamaro, esse não é tão encorpado e está mais para um médio corpo. Seus taninos são bem polidos e maduros, uma acidez muito equilibrada e um final médio.

 Harmonização

A melhor harmonização desses vinhos do sul da Itália é com massas a base de tomate. Culinária italiana clássica é outra excelente opção. Esse vinho tem uma nuance de doçura que combina bem com pratos com algum molho agridoce leve, tipo uma costela de porco com molho barbecue.